Comportamento ingestivo de cordeiros em confinamento alimentados com dietas contendo diferentes níveis de triguilho na matéria seca

Este trabalho foi realizado com a pretensão de avaliar o efeito da inclusão de triguilho sobre o comportamento ingestivo de cordeiros confinados. Foram utilizados 4 ovinos machos castrados com peso médio de 38 kg, organizados em um delineamento quadrado latino 4x4. Os animais foram alojados em baias individuais, alimentados 2 vezes ao dia com uma dieta a base de feno de azevém e concentrado. Os tratamentos foram: 0%, 19%, 38% e 57% de triguilho na matéria seca. O uso de dietas com níveis crescentes de triguilho em substituição ao milho para cordeiros em confinamento não apresentou diferença significativa entre tratamentos para as variáveis avaliadas, portanto pode ser utilizado na formulação de dietas para cordeiros confinados sem afetar o comportamento ingestivo dos mesmos. Foi comprovado a falta de uniformidade entre os animais e também entre os períodos, justificando a escolha do delineamento experimental empregado.