Ambiência de galpões avícolas de postura na região semiárida do Brasil com auxilio da termografia de infravermelho

<p>A avicultura de postura tem se expandido para regiões com condições climáticas adversas. Dentre estas regiões, consideradas inaptas para tal atividade, destaca-se a RIDE - Região Integrada de Desenvolvimento Econômico de Petrolina Juazeiro localizada no semiárido do submédio São Francisco local que apresenta baixo índice pluviométrico e pouca produção agrícola de grãos. Diante do exposto, objetivou-se com este trabalho avaliar a ambiência animal com auxilio da termografia de infravermelho, em dois galpões de postura convencional com cobertura de telha cerâmica colonial (TCC) e com cobertura de telha de aço galvanizado (TAG), a partir dos parâmetros temperatura superficial das telhas e ITE - Índice de temperatura equivalente. As instalações avaliadas pertencem à granja Santa Ana, localizada próxima ao distrito de Santana do Sobrado município de Casa Nova, Bahia. Os galpões foram construídos no modelo californiano com pórticos de estrutura metálica e equipados com ventiladores e sistema de nebulização interna. Os equipamentos utilizados na coleta dos dados foram: câmera foto térmica, <a href="http://produto.mercadolivre.com.br/MLB-536392268-anemmetro-com-luximetro-e-termo-higrometro-digital-icel-wm-_JM">anemômetro e termo-higrômetro</a>. A coleta de dados foi realizada no verão (dezembro), no período vespertino em sete pontos distintos ao longo do comprimento dos galpões. As variáveis climáticas (Temperatura do ar e Umidade Relativa), Índice de temperatura equivalente – ITE e temperatura média da superfície interna das telhas não apresentaram diferença significativa entre os galpões. Entretanto, a velocidade do ar, temperatura máxima da superfície interna das telhas apresentaram diferença significativa a 5% de probabilidade pelo test t de Student.</p>